abacateabacaxiameixaamoraamora pretaaracaazeitonabananabutiabergamotacaquifigofigo da indiaframboesagoiabaguabirobaguabijukiwilaranjalimãomaçãmamãomangamaracujámarmelomelanciamelãomirtilomorangonectarinanesperanos pecãpêrapêssegoPinhãopitangaromãuva

 

Receitas de mamão

Mamão 
(Carica papaya)

Considerado tipicamente brasileiro, o mamão foi consagrado pela sabedoria popular como um santo remédio para intestinos preguiçosos. Há quem ingira, com esse propósito, também as sementes. A fruta, no entanto, tem outras (e variadas) aplicações. E contém papaína, enzima que facilita a digestão.

Nome científico: Carica papaya

Família: Caricáceas

Nome comum: mamão, papaya

Origem: América tropical

Descrição e característica da planta: o mamoeiro é uma planta com tronco central ereto e com um tufo de folhas na parte superior. As folhas são formadas diretamente no tronco e, se provocar ferimento em qualquer parte da planta, nesse local sai um líquido branco, o látex. A frutificação se inicia a partir de 4 a 5 meses de idade e depois produz contínua e de forma econômica por três a quatro anos, mas pode sobreviver por vinte anos. No mamoeiro existem três tipos de plantas: 1) plantas hermafroditas – são aquelas que têm os dois sexos na mesma flor, portanto, não precisa de outras plantas para produzir frutos. Os frutos têm formato alongado; 2) plantas masculinas - produzem flores em hastes bem longas, podendo atingir mais de um metro de comprimento. Essas flores produzem grãos de pólen que fecundam as flores femininas e as hermafroditas. Com certa freqüência há formação de flores hermafroditas nas plantas masculinas e com isso produzem frutos pequenos, alongados, amargos e pouco aceitos pelo consumidor e 3) plantas femininas - necessitam plantas masculinas ou hermafroditas nas proximidades para que ocorra a polinização, sem isso não há produção de frutos. Os frutos têm formato mais arredondado. O mamoeiro não pode ser plantado em regiões sujeitas a geada ou em regiões de temperatura constantemente frias. A planta se desenvolve bem em qualquer tipo de solo, mas não pode ser encharcado ou com má drenagem. A propagação é feita por sementes. Elas devem ser retiradas de frutos maduros, de preferência, com formato alongado, porque não nascerão plantas masculinas. Depois, elas devem ser lavadas e secadas à sombra. Quando bem acondicionadas, as sementes podem ser armazenadas por até dois anos, mas o ideal é plantar logo após a extração. A semeadura pode ser feita diretamente no campo ou em vasilhames com substrato, que é a mais indicada. A germinação ocorre entre 15 a 21 dias e o plantio no campo deve ser feito quanto estiverem com 15 a 20 centímetros de altura.

Produção e produtividade: o Brasil é um grande produtor de mamão e os estados da Bahia e Espírito Santo são os maiores produtores e exportadores. O mosaico, uma doença causada por vírus, impede a produção em plantas doentes e com isso limita o seu plantio em algumas regiões, principalmente no estado de São Paulo, que na década de 1960 foi o maior produtor nacional. O transmissor dessa virose é um inseto, o pulgão. A doença atinge também aqueles dois estados (Bahia e Espírito Santo), onde as plantas doentes são cortadas. O mamão com a doença pode ser consumido normalmente, sem nenhum problema, porque o vírus não afeta o homem. O Brasil exporta frutos para vários países da Europa, aos Estados Unidos da América do Norte e ao Japão. A produtividade de algumas variedades pode chegar a 60 a 80 toneladas por hectare.

Utilidade: os frutos maduros são consumidos principalmente ao natural e são ricos em açúcares, sais minerais, vitaminas e papaína. Podem ser consumidos em forma de sucos, purês e doces. Os frutos verdes podem ser utilizados no preparo de doces diversos e na extração da papaína. A papaína é uma enzima empregada em vários setores, como para amaciar a carne, na indústria de tecidos, para eliminação de gomas, nos alimentos dietéticos e outros.

Partes utilizadas: Leite, flor masculina, fruto.

Propriedades medicinais do mamão
A história do mamão no continente americano remonta a Ponce de Leon, que, depois de ter desembarcado nas praias da Flórida, escreveu ao rei da Espanha, contando sua jornada em busca de juventude. Disse, na sua carta, o seguinte: ¨Os índios preparam a carne para cozinhar, envolvendo-a, muitas horas antes de levá-la ao fogo, com folhas de uma árvore que produz um delicioso 'melão', o qual se come tão tenra que suas fibras se separam facilmente com os dedos¨. O mamão é uma das melhores frutas do mundo, tanto pelo seu valor nutritivo, como pelo seu poder medicinal. Um dos seus mais importantes princípios é a papaína, uma enzima reconhecida como superior à pepsina e muito usada para prestar alívio nos casos de indigestão aguda. Também tem efeitos benéficos sobre os tecidos vivos. O leite de mamão está tendo tantas e tão variadas aplicações nos Estados Unidos, que já existe nesse país uma florescente indústria destinada a colhê-lo, manipulá-lo e comercializá-lo.

Ajuda a tratar de: Afecções das vias respiratórias, calos, feridas, prisão de ventre, problemas digestivos, verminoses, verrugas.

Utilidades Medicinais:
Acidose
- Fazer refeições só de mamão. Mastigar algumas sementes.
Anginas - Cataplasma local com a polpa do mamão miúdo e ácido.
Bronquite - Proceder como indicado em rouquidão ou em gripe.
Calos - Aplicar no local o ¨leite¨ do mamão, de preferência o leite das folhas.
Câncer - Comer em jejum, mastigando, cerca de 15 sementes de mamão. Após as refeições comer cerca de 10 sementes. Além deste, são necessários outros cuidados específicos.
Diurese - Recomenda-se fazer refeições exclusivas de mamão ou de suco de mamão. Comer, juntamente, algumas sementes.
Estômago, doença do - Recomenda-se usar mamão maduro em abundância, e fazer, esporadicamente, refeições exclusivas desta fruta. Mastigar umas 10 ou 15 sementes de mamão por dia.
Feridas - Aplicar no local o ¨leite¨ extraído das folhas.
Fígado, doenças do - Mastigar umas 10 ou 15 sementes de mamão após o almoço.
Gripe - Infusão das flores do mamoeiro-macho com um pouco de mel. Tomar 2 a 3 xícaras por dia, mornas.
Laxante - Fazer refeições exclusivas de mamão, de preferência no desjejum. Comer, juntamente, algumas sementes.
Pele, para a beleza da, ou manchas e rugas da - Massagear diariamente a pele com mamão maduro.
Verrugas - Proceder como indicado em calos.



Calendário de colheita para o Rio Grande do Sul:

Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez
Mamão X X X X X X X X X X X X


Ver também:
Receitas de mamão

Fontes: Essencial - Um guia prático para cuidar da saúde, Editora Nova Cultural Ltda, São Paulo, 2001.
http://globoruraltv.globo.com/GRural/0,27062,LTP0-4373,00.html às 12:02 de 19 de abril de 2008.

www.todafruta.com.br Data Edição: 07/07/04  

Bibliografia: 
As Frutas na Medicina Natural
Alfons Balbach
Daniel S. F. Boarim
Edição Vida Plena
(XX11) 464-3888 - Itaquaquecetuba - SP.